quinta-feira, 22 de abril de 2010



Da infância como membro de uma família unida de nómadas Edema Ruh até à provação dos primeiros dias como aluno de magia numa universidade prestigiada, o humilde estalajadeiro Kvothe relata a história de como um rapaz desfavorecido pelo destino se torna um herói, um bardo, um mago e uma lenda. O primeiro romance de Rothfuss lança uma trilogia relatando não apenas a história da Humanidade, mas também a história de um mundo ameaçado por um mal cuja existência nega de forma desesperada. O autor explora o desenvolvimento de uma personalidade enquanto examina a relação entre a lenda e a sua verdade, a verdade que reside no coração das histórias. Contada de forma elegante e enriquecida com vislumbres de histórias futuras, esta "autobiografia" de um herói rica em detalhes é altamente recomendada para bibliotecas de qualquer tamanho.

Sou apreciadora de livros de fantasia, quando surgiu este livro fiquei curiosa.
Com criticas muito favoráveis como um dos melhores livros dos últimos tempos de fantasia tive que o ler, classificado como literatura infanto-juvenil,de certeza que o naõ é, sendo neste primeiro livro( sendo o primeiro da trilogia)a narrativa de um jovem que quer aprender magia, tem uma narração muinto intensa para uns leitores mais jovens,dizendo que sera um substituto de Harry Potter, não acredito , é completamente diferente e muito intenso para interessar a estes leitores mais jovens.
Gostei de ler, são 976 paginas de um bom inicio desta trilogia.
Quem gosta deste género de literatura aconselho a conhecer este novo escritor e o seu primeiro romance.

Sem comentários: